12/12/2017


    ASBIA aumenta número de associados e espera mercado de genética aquecido em 2018

    Presidente da ASBIA Sérgio Saud espera retomada do crescimento do mercado de genética em 2018


    Assessoria de imprensa ASBIA - Adaptado

    Com expectativa de crescimento nas vendas de material genético bovino em 2018, a Associação Brasileira de Inseminação Artificial (ASBIA) encerrará o ano de 2017 com mais duas novas associadas, totalizando 27 sócios, entre empresas de diversos segmentos da pecuária e associações de criadores. 

    Para o presidente da ASBIA, Sergio Saud, o fortalecimento do quadro de associados da entidade vem em um momento importante, pois a expectativa é de melhora do mercado de genética em 2018. "A tendência é que o mercado de genética de corte mantenha o crescimento no uso da técnica de IATF, com a retomada dos investimentos em cruzamento industrial, com utilização de sêmen de Angus e de outras raças taurinas. Já para o mercado de genética leiteira, esperamos que mantenha o ritmo de recuperação observado no primeiro semestre de 2017", destaca.

    Dados do relatório semestral Index ASBIA 2017 mostram que houve um crescimento nas vendas internas (+7,6%) e nas exportações de sêmen (+60,4%) no primeiro semestre do ano.

    Sobre a ASBIA
    A ASBIA representa 95% do mercado brasileiro e tem entre seus associados empresas do setor de genética, nutrição, saúde animal, associações de criadores e equipamentos.




    Novidades ABS

    1