ABS Pecplan: Sêmen sexado Sexcel aumenta as taxas de reprodução em um rebanho leiteiro na Argentina - Touros, Embriões, Sêmen

    26/02/2020


    Sêmen sexado Sexcel aumenta as taxas de reprodução em um rebanho leiteiro na Argentina


    As taxas de concepção na fazenda San Benito foram de 34% para vacas leiteiras e 46,9%, para novilhas

    As vantagens indiscutíveis para os rebanhos leiteiros tornaram o sêmen sexado uma opção cada vez mais procurada pelos produtores argentinos. Ao garantir o crescimento do número de fêmeas, com taxas reprodutivas consistentes, a tecnologia vem movimentando o mercado desde o seu lançamento.

    E o Sexcel, o sêmen sexado da ABS, não é diferente. Graças à garantia de resultados superiores nas taxas de concepção e prenhez, somados à reconhecida qualidade da genética utilizada, os produtores de leite comprometidos com a solução da empresa demonstram satisfação.

    É o que acontece na fazenda San Benito, em Victoria, na província de Entre Ríos. Três anos se passaram desde o início da aplicação do Sexcel no rebanho leiteiro. E, desde então, os resultados mostraram que foi um bom investimento.

    "Alcançamos uma taxa de concepção de 46,9% em novilhas e 34% em vacas em ordenha. Os resultados são excelentes em comparação com outros sexados, onde a taxa média era de 25%. O nascimento de fêmeas é de 85%", diz o veterinário da propriedade, Manuel Martínez.

    Para Manuel, a genética desempenha um papel fundamental no contexto da produção leiteira, e o sêmen sexado é um exemplo claro disso.

    "Não temos dúvidas de que continuaremos usando Sexcel, para manter o nascimento de novilhas acima de 80%", avalia ele.

    A fazenda San Benito tem um total de 360 vacas em ordenha, que produzem individualmente cerca de 24 litros de leite por dia.




    Novidades ABS

    1